Folha de BarbacenaVida da gente

Poliomielite: Conhecer para refletir

Por Áurea Vasconcelos

Ser rotariano é viver o sonho do idealismo e da solidariedade, praticando exercícios de humanidade, procurando oferecer água aos que têm sede, alimentos aos que têm fome e calor aos que têm frio…

Ser rotariano é valorizar as relações em suas diversidades, enaltecendo, respeitando e incentivando os serviços comunitários através da prática da liderança… Sempre semeando para colher no futuro!

Ser rotariano é manter viva a estrela do dinamismo e do entusiasmo, trabalhando no sentido de proporcionar melhores condições de vida àqueles que por elas são esquecidos e marginalizados…

Com estes propósitos, o ROTARY CLUB BARBACENA vem escrevendo sua história, atendendo a comunidade local em suas necessidades mais prementes, desde as demandas relativas à saúde até às questões da educação, criando e mantendo escolas em áreas da periferia.

Tudo isto, sempre em conexão com as determinações rotárias advindas de âmbitos nacionais e internacionais.

Neste macro universo, pela sua grandiosidade, um dos momentos mais profícuos e, provavelmente, mais gratificantes desta trajetória foi aquele em que as rotas foram mudadas e vidas foram transformadas, graças ao rotariano Albert Sabin cientista e pesquisador.

Percebendo, à época, o visível crescimento dos casos de Polio , ele iniciou a busca por uma vacina capaz de prevenir ou amenizar esta terrível doença infecciosa, paralisante e potencialmente mortal. Tornava -se necessário “cortar o mal pela raiz”.

Foi assim que, depois de ser submetida aos testes necessários à sua aprovação, em 1986, a vacina de Sabin passou a ser aplicada, oralmente, de preferência em crianças até 5 anos, prevenindo a contração da moléstia. Graças a ela , a doença foi eliminada em quase todo mundo ( 99,9% ). Restam ainda Afeganistão e Paquistão para se chegar aos 100%.

Evidentemente não se trata de um caminho fácil. Um sucesso que dependeu de um longo tempo, de um inimaginável custo financeiro, de muita disponibilidade e eficiência de voluntários e, sobretudo, de uma desmedida dedicação. Mas valeu à pena! Milhões de pessoas não ficaram paralíticas e vivem com dignidade. Desde 1988, quase três bilhões de crianças foram imunizadas.

Esta história, mesmo tendo sido narrada em síntese, procura mostrar o valoroso e dignificante trabalho do ROTARY CLUB neste campo da saúde infantil como também, alertar a todos, pais e responsáveis, para o cuidado com a vacinação contra a Pólio.

É imprescindível que nossas crianças sejam vacinadas para que não possibilitemos a volta deste mal. Para isto, as autoridades sanitárias do Rotary estão atentas a locais onde se percebe queda da vacinação . E juntos, procuram mudar este cenário. Saúde é o maior bem concedido ao ser humano para que ele tenha uma vida digna.. Vamos colaborar e preservar. E, sobretudo, manter o espírito rotário, procurando viabilizar um mundo melhor.

0

User Rating: Be the first one !

Comentários:

Thiago Rossi

Formado em Comunicação Social pela UNIPAC e pós-graduado em Gestão Cultural pelo Senac/BH. Jornalista, escritor e curioso.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios