Folha de BarbacenaPalco BCN

Inscrições gratuitas para as oficinas do Festival de Música de Prados serão abertas nesta segunda-feira

Serão ofertadas 18 aulas de instrumentos e musicalização, além de uma oficina de choro, improvisação e prática em conjunto

Familiarizar novos alunos com os instrumentos musicais e, também, oferecer aos mais experientes a oportunidade de aperfeiçoar as suas habilidades com grandes nomes da música de concerto. Este é o objetivo das oficinas gratuitas do 43º Festival de Música de Prados, a ser realizado de 17 a 30 de julho de 2022.

Para esta edição, serão 18 oficinas de instrumentos e musicalização, além de uma oficina de choro, improvisação e prática em conjunto. As inscrições serão abertas nesta segunda-feira (18/07), presencialmente na sede da Lira Ceciliana, localizada na rua Cap. Manoel Dias de Oliveira em Prados, das 9h às 12h e das 13h às 17h. Também estarão disponíveis de forma online pelo link que pode ser acessado clicando aqui. Podem participar crianças, jovens e adultos.

Todas as oficinas serão ministradas diariamente em Prados pelos bolsistas e professores do festival. As aulas serão distribuídas de acordo com os seguintes instrumentos: violino, viola, violoncelo, contrabaixo, violão, bandolim, clarinete, saxofone, oboé, fagote, flauta doce e transversal, piano, trompete, trombone e percussão. Além das atividades de choro – improvisação e prática em conjunto – e da musicalização infanto‐juvenil por meio do teatro e da teoria musical.

Diretor executivo e de produção do festival, Eduardo Raele explica que as aulas de musicalização são um pouco diferentes das oficinas de instrumento, uma vez que nelas não são ensinados instrumentos musicais, e sim conceitos de musicalização e práticas corais alinhadas à atuação. “A interação com o público infantil é especialmente importante e todos os anos temos uma grande procura por essa atividade. No último dia do festival vamos promover uma apresentação teatral, com as crianças cantando e atuando juntamente com a orquestra, no Teatro Municipal de Prados”, destaca.

Raele também acrescenta que cada aluno pode fazer quantas oficinas desejar, e de quantos instrumentos desejar, desde que respeite os limites por turma. “No ato da inscrição, o interessado deverá informar se possui ou não o instrumento, pois dependendo da oficina escolhida o festival poderá emprestar o instrumento para estudo”.

0

User Rating: Be the first one !

Comentários:

Isabella Paolucci

Jornalista, fã de filmes e séries, k-poper e sagitariana.

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios